Apesar das pulgas e carrapatos se proliferarem mais no verão, o inverno também é uma época importante para se tomar alguns cuidados, principalmente com a prevenção. A dica é ficar de olho no ambiente, onde essas pestinhas costumam se abrigar. Se você tem um quintal grande, mantenha a grama sempre aparada. Tapetes felpudos e cantos esquecidos tem que ser observados. Faça o tratamento preventivo para evitar que o parasita se instale e inicie uma infestação que pode levar a doenças sérias e letais como erlichiose, babesiose e doença de Lyme nos animais e a febre maculosa em humanos. A operação inverno se divide em três etapas, acompanhe abaixo:

 

Fase 1: Ataque

Para potencializar os efeitos de combate aos carrapatos e pulgas no seu amigo de quatro patas utilize sabonete e shampoo especial durante o banho (TEA Sabonete e TEA Shampoo). Após o banho, no pelo seco também pode-se utilizar o TEA Talco que é ideal para tratamento de ataque, pois é um importante ectoparasita com combinação de princípios ativos que ampliam os efeitos terapêuticos.

 

Fase 2: Controle

Não só importante aplicar a substância no próprio animal, mas também no ambiente que ele reside e circula, afinal, a maioria dos parasitas estão mais presentes no ambiente do que no próprio peludo. Aplique pulguicida e carrapaticida na superfície de almofadas, camas, cobertas, panos e as frestas do piso. Após aplicar, espere secar por pelo menos uma hora, ventile o ambiente e passe um aspirador de pó. Mantenha os animais longe durante essa aplicação. Recomenda-se o TEA Larvox em aerossol que tem ação ovicida, larvicida e adulticida. Os antipulgas em comprimidos são indicados para o controle de infestações.

 

Fase 3: Prevenção (a MAIS IMPORTANTE!)

A melhor forma de prevenir o aparecimento desses parasitas é a utilização de produtos apropriados, aqui incluem-se as coleiras especiais e atóxicas que previnem a infestação de pulgas e carrapatos tanto em cães quanto gatos. Fique atento ao tamanho adequado da coleira de acordo com o porte do seu pet, por exemplo, cães filhotes devem usar de 33 cm, os pequenos e médios de 44 cm e os grandes de 57 cm. Os gatos, por terem porte menor tem apresentações específicas. A linha de coleiras TEA pode ser eficiente nesse sentido.

 

Mantenha seu pet sempre saudável. Tome a iniciativa aplicando esses produtos e garanta a prevenção para quando chegar o verão. Na dúvida consulte o médico veterinário!